Passeios

Férias de julho: opções para tirar a criançada de casa

Por Priscilla Perlatti

Seleção de atividades e acampamentos de férias para as crianças curtirem alguns dias na companhia dos amigos

Férias de julho: opções para tirar a criançada de casa

Eu fico mais ansiosa quando vai chegando as férias de julho do que as do final de ano. É que durante o verão, é mais fácil distrair a criançada. Com a promessa de temperaturas mais agradáveis (pelo menos aqui no sudeste), é possível programar muita coisa ao ar livre, como parques, piscina, piqueniques e rodas de brincadeiras.

Mas, e durante o inverno, hein? Aí o bicho pega. Fora os resfriados e as doencinhas típicas que rondam os pequenos (e os grandes) nessa época, o grande desafio é escolher se vamos todos sucumbir ao frio e hibernar dentro de casa ou tocar a turma toda para fora e descolar qualquer programa, não importando as condições climáticas.  

Uma alternativa esperta são as oficinas especiais que espaços como ateliês, buffets, clubes, shoppings e até escolas promovem, oferecendo aulas avulsas e atividades lúdicas para as crianças com duração de algumas horas. Jornais e revistas da cidade costumam publicar os detalhes de data e horário dos serviços.

Locais que recebem frequentemente crianças durante o ano, como fazendinhas, zoológicos, parques e bibliotecas infantis, geralmente preparam uma programação variada durantes as semanas de férias.

Os SESCs são, na minha opinião, um dos melhores lugares para ir com as crianças. Com uma programação cultural variada e sempre de ótima qualidade, as unidades espalhadas por todos os estados do Brasil oferecem apresentações musicais, teatrais, oficinas, esportes e exposições gratuitas ou a preços bem acessíveis - fator importante para o orçamento familiar.

Mas, para quem busca dias de diversão para os filhos, os acampamentos (ou colônias) de férias podem ser uma ótima pedida. Tinha muita resistência à ideia de deixar minhas filhas irem curtir longe de mim dias preciosos de suas férias, mas depois que fui passar uns dias em família em um acampamento muito legal, pude entender melhor a dinâmica desses lugares. E mudei de opinião! 

Tem para todos os gostos e bolsos. Desde aqueles que aceitam crianças pequenas (geralmente a partir dos 4 anos), outros que parecem cenário de filme de aventura e até alguns que oferecem a programação todinha em inglês! Se estiver procurando por indicações ou referências, vale a pena dar uma olhada no site da Associação Brasileira de Acampamentos Educativos para saber mais sobre alguns dos principais acampamentos do país. 

 

(Foto: Arquivo pessoal)