Bebês

É menino ou menina?

Formatos da barriga e do nariz, o jeito que a mãe mostra a palma da mão, o que a mulher está com vontade comer... escolha seu “método” e veja se acerta quem vem por aí

É menino ou menina?

A sabedoria popular, muito antes dos recursos tecnológicos que tornaram possíveis os exames ultramodernos, já garantia prever se a mãe deveria fazer o enxoval rosa ou azul para o bebê a caminho.

Formatos da barriga e do nariz, o jeito que a mãe mostra a palma da mão, o que a mulher está com vontade comer... As técnicas são muitas para descobrir o sexo da criança!

E se as crenças estão aí, sobrevivendo por anos e anos, o índice de acertos deve ser alto, não é mesmo?

“Faço o teste do pêndulo há muito tempo - nem lembro como comecei! - e eu mesma fiz comigo, antes de engravidar e quando estava grávida. Já acertei 90% dos casos, mas percebo que quando tem muita interferência das pessoas em volta, a tendência é falhar. São mistérios que fazem parte!”, conta Sileine Pinho, 46 anos, mãe do Mateus, 22, e da Bia, 16.

Claro que são apenas crendices populares – nada citado é comprovado pela ciência –, mas a ideia aqui é brincar de descobrir o sexo.

Quem não aguenta esperar a 16ª semana, quando pode-se identificar o sexo do bebê nos exames de ultrassonografia, tem a possibilidade de se deixar levar de uma maneira divertida nessa fase inicial da gestação, tão gostosa e cheia de questionamentos.

Escolha seu “método” e veja se acerta quem vem por aí...

Pêndulo
“É preciso fazer um pêndulo com uma linha e uma agulha. Não é necessário estar grávida, pois funciona para o futuro também. A pessoa, seja homem ou mulher, estende a mão e você posiciona o pêndulo no centro de sua palma. O próprio pêndulo fará o movimento: se girar em círculo, será menina e se for reto, menino. O princípio do pêndulo é místico e antigo, mas exige concentração!”, ensina Sileine Pinho, 46 anos.

Tabela chinesa
“Essa eu fiz e deu certo! De um lado da tabela, tem a idade lunar da mãe, que é a idade real somando-se 1, e do outro o mês de concepção do bebê, ou seja, o mês em que ela engravidou. Um detalhe importante: se você nasceu nos meses de janeiro ou fevereiro, não precisa somar 1 - sua idade lunar é a mesma que a real. Basta, então, cruzar na tabela sua idade lunar com o mês que o bebê foi concebido e a tabela chinesa indicará o sexo da criança”, descreve Mariluce Rodrigues, 39 anos, que usou uma tabela como essa aqui, disponível no blog da colaboradora Nívea Salgado.

Anel e fio de cabelo
Usando um fio do próprio cabelo, a grávida deve pendurar um anel (de preferência a aliança) sobre a barriga. Se o anel fizer movimentos para frente e para trás, indica um menino. Se for circular, será uma menina.

Colher ou garfo
“Quando eu era mais nova escutei muito: ‘Garfo ou colher? Menino ou menina?’ Há décadas é uma das brincadeiras de maior sucesso nos chás de bebê. Alguém tem que esconder um garfo e uma colher embaixo de cada almofada e a grávida tem que escolher um dos dois. Se sentar na colher, é uma menina. Garfo é sinal de que tem um menino na barriga”, conta Adriana Teixeira, 36 anos.

Tesoura
A mesma brincadeira da colher ou garfo pode ser feita usando-se duas tesouras. “Coloca uma tesoura aberta e outra fechada embaixo de cada almofada. A mãe olha para as duas opções e senta na que escolher. Tesoura aberta: menina. Tesoura fechada: menino. Na minha gravidez deu supercerto!”, atesta Eliana Pfaff, 51 anos.

Idade da mãe e previsão de nascimento
“Minha mãe sempre faz essa, é imbatível! Você pega a idade da mãe quando ela engravidou, aí, soma com o número equivalente ao mês que ela engravidou e também com o correspondente ao mês previsto para o nascimento do bebê. Se a soma der par, é menina e se der ímpar, é menino!”, repassa Stella Damaris, 31 anos, filha de Francisca Bernardino, 58 anos.

As idades dos pais
Nessa brincadeira, você soma a idade da mãe com a idade do pai e subtrai 1. Se o resultado for par, é menino. Se for ímpar, é menina.           

A palma da mão
“Sem contar o motivo, uma pessoa precisa pedir para a grávida mostrar a mão. Se ela mostrar com a palma da mão para cima, é menino, se for para baixo, é menina!”, diz Marly Mathias, 58 anos.

Doce ou salgado?
Durante a gravidez, se a grávida sentir mais vontade de comer coisas doces, é porque vai ser menina. Se a vontade é por alimentos salgados, pode apostar em um menino.

Formato do nariz e as manchas na pele
“Eu cresci no sítio e lá todo mundo adivinhava o sexo do bebê de acordo com a aparência da mãe. Se durante a gravidez o nariz ficar mais achatado, é porque é menino, se permanecer como era, é menina! Se aparecerem manchas na pele, é menina, se não aparecer nada, é menino!”, recorda Ana Lucia Delascio, 56 anos.

Os nomes dos pais
Basta somar a quantidade de letras dos nomes do pai e da mãe. Se o resultado for ímpar, é uma garotinha. Se for par, é um garoto.

Observe a barriga
“Não tem erro: se a barriga estiver para baixo, é menina; apontando para cima, é molecão!”, garante Manoel Faria, 55 anos

Idade da mãe e menstruação: faça a conta
Você deve fazer o seguinte cálculo: sua idade ao engravidar + o mês da sua última menstruação. Depois, some os algarismos. Por exemplo, você tem 34 anos e o mês foi janeiro: 34 + 1 = 35. Faça o mesmo com o resultado: 3 + 5 = 8. Atenção: se o resultado final for um número composto, você terá que somar novamente, pois só valem números de 1 a 9. Se o resultado for par, é menino; se ímpar, é uma menininha.

(Foto: Getty Images)