Bebês

Cronograma da grávida: a gravidez mês a mês

Planejar cada etapa da sua gestação é fundamental para não esquecer nenhum detalhe e curtir muito mais esse momento único da vida

Cronograma da grávida: a gravidez mês a mês

Descobrir que está grávida é uma das melhores sensações para as mulheres, que têm na maternidade a realização de um sonho. No entanto, é comum surgirem dúvidas ao longo dos 9 meses, como qual é a hora certa de marcar cada exame ou quando começar a montar o quarto do bebê.

Para não deixar tudo para a última hora, Érica Salguero, mãe de Lorenzo, 1 ano e 9 meses, juntamente com o obstetra e ginecologista Flávio Garcia de Oliveira, compartilham algumas dicas importantes – principalmente para as mães de primeira viagem.

Com elas, a gestação certamente será um período calmo e você terá tempo suficiente para ajeitar todos os detalhes e aproveitar ao máximo o barrigão!

Deu positivo!

 

Primeiro mês

  • Conte aos familiares mais próximos.
  • Comece a pensar no quarto do bebê: tire medidas, procure referências em sites e revistas, pense em um estilo para seguir.

 

Segundo mês

  • Volte ao médico com o resultado de todos os exames pedidos (tipagem sanguínea, exames de sangue e urina, entre outros).
  • Faça o primeiro ultrassom, para descobrir o tempo exato da gestação.
  • Comece alguma atividade física voltada para gestantes (mas sempre com acompanhamento médico).
  • Calcule o orçamento para o quarto e decida se irá contratar um arquiteto ou decorador.
  • Comece a usar cremes para estrias na barriga e nas coxas e utilize-os até o final da gravidez.
  • Opte por sutiãs que deem suporte às mamas, mas sem apertá-las.

 

Amiga grávida

Terceiro mês

  • Conte a novidade aos amigos e na empresa onde trabalha.
  • Entre a 9ª e 12ª semana, faça (se desejar) o exame de biópsia do vilocorial (para verificar a saúde do feto).
  • Se optou por reformar o quarto, esse é o momento ideal para começar.

 

Quarto mês

  • Faça, entre a 12ª e 14ª semana, o ultrassom de translucência nucal, que indica problemas genéticos, como Síndrome de Down, e, se o bebê “colaborar”, permite ver o sexo do feto.
  • Hora de ir ao dentista, pois a gengiva e os dentes ficam mais sensíveis com a gravidez.
  • Reserve o curso de gestante no local de sua preferência para quando estiver com seis meses de gravidez.
  • Com o ganho de peso e a barriguinha mais aparente, compre algumas roupas específicas para grávida.
  • Prepare a lista de enxoval, com roupas e objetos para o bebê.
  • Pesquise preços e o que pedir no chá de bebê. Também é hora de já pensar nas lembrancinhas.
  • Se já souber o sexo, decida o estilo, o tema e as cores do quarto.
  • É hora também de pesquisar itens importantes, como o berço (aprovado pelo Inmetro), uma confortável poltrona e a cômoda para o trocador.
  • Se preferir comprar o enxoval fora do País, viaje entre o quarto e quinto mês de gestação.

 

Quinto mês

  • É a vez do ultrassom morfológico, para ver o desenvolvimento do feto.
  • Nesse período, entre a 16ª e 20ª semana, pode-se fazer o exame de amniocentese (análise do líquido amniótico para verificar a saúde do bebê).
  • Planeje o chá de bebê, marcando-o entre o sexto e o sétimo mês.
  • Está na hora de visitar algumas maternidades e escolher a que mais lhe agrada.
  • Com os serviços básicos de estrutura prontos, é o momento de comprar os móveis e começar a montagem do quarto.

 

Chá de bebê

Sexto mês

  • Entre a 26ª e a 30ª semana é o melhor momento para fazer o ultrassom 3D ou 4D.
  • Aproveite sua festa de chá de bebê!
  • Não se esqueça do curso de gestante, agendado previamente.
  • Programe sua vida com o bebê nos primeiros dias: quem vai cozinhar para você? Quem vai administrar a ajudante do lar? E fazer as comprar? Depois que você voltar a trabalhar, quem vai ficar com o bebê e leva-lo ao pediatra?
  • Com os móveis comprados, escolha o enxoval. O ideal é ter duas opções diferenciadas.
  • Se você deseja curtir os últimos momentos a sós com seu marido, essa é uma boa época para viajar. No entanto, vale consultar o médico para saber se ele a libera para ir de avião, ou se o mais indicado é tirar férias em algum lugar pertinho.

 

 Sétimo mês

  • Entre a 28ª e 36ª semana, as consultas com o obstetra passam a ser quinzenais.
  • O médico deve solicitar o ultrassom com doppler (que avalia o fluxo sanguíneo nas veias uterinas, no cordão umbilical e na artéria cerebral do bebê).
  • Tente solucionar todas as dúvidas sobre o parto.
  • A maternidade já deve estar escolhida, mas tenha uma segunda opção em mãos para possíveis imprevistos.
  • Não se esqueça de comprar a cadeirinha para o carro, pois o bebê deve sair da maternidade nela, e não no seu colo.
  • Já escolheu o nome do bebê? Esse é um bom momento!
  • O quarto deve estar organizado e limpo.
  • Pense nas lembrancinhas para a maternidade e no enfeite da porta. Se preferir, pode seguir o mesmo tema escolhido para a decoração do quarto.
  • O enxoval do bebê deve estar pronto, com todas as roupinhas lavadas e acomodadas na mala da maternidade.

 

Oitavo mês

  • As consultas a partir da 36ª semana serão semanais.
  • Escolha um pediatra e marque uma consulta para já conhecê-lo. O melhor é seguir a orientação de alguém conhecido.
  • Separe as roupas que você usará na maternidade e deixe sua mala preparada.
  • Não se esqueça dos sutiãs para amamentação.
  • Diminua o ritmo de trabalho.
  • Contrate um fotógrafo e faço um ensaio com seu marido para guardar as recordações da época de gravidez.
  • Caso você queria um parto mais humanizado, é hora de escolher uma doula  para ajudá-la nos preparos.

 

Nono mês

  • O bebê pode nascer a qualquer momento!
  • As consultas ao obstetra passam a ficar ainda mais frequentes.
  • O quarto deve estar prontinho à espera do bebê.
  • Descanse muito e aproveite os minutos finais da gravidez.

 

(Fotos: Getty Images)