Carreira

Como aumentar a produtividade (e voltar mais cedo para casa)

Aproveite o início do ano, quando as promessas estão fresquinhas, e se dedique a aproveitar melhor o seu tempo

Como aumentar a produtividade (e voltar mais cedo para casa)

Vivemos num mundo pontuado pela urgência, onde tudo o que fazemos tem que ser às pressas, com data e tempo de validade. O dia parece acabar num piscar de olhos – e a sensação é de que acaba mesmo! No meio disso tudo, está a mulher, que acumula tarefas e papéis dos mais diversos, sobrecarregada pelas múltiplas exigências.

Segundo a Academia Americana de Médicos de Família, para elas, retomar o controle sobre o tempo é fundamental. “Manter um equilíbrio saudável entre trabalho e vida pessoal, encontrar tempo para cultivar os relacionamentos importantes, não ter medo de procurar ajuda de outras pessoas quando precisar, manter a mente aberta são coisas muito importantes para a qualidade de vida”, afirma a psicóloga Luciana Escudero.

Fazer o seu trabalho render mais durante o horário de expediente demanda organização em primeiro lugar. Assim, quando chegar no seu ambiente profissional, liste as principais atividades, o que é importante e urgente e também o que é importante e não urgente.

“Claro que a pessoa já tem o seu roteiro do dia a dia, mas, às vezes, a falta de organização atrapalha e é exatamente aí que começa a faltar tempo. Costumo dizer que, quando você lista o que precisa fazer no dia, quando você percebe, já estão todas as tarefas 'ticadas' e realizadas”, ensina a coach Gisa Azeredo.

Outro ponto fundamental para aumentar a produtividade é colocar foco no que está fazendo, porque é fato: telefone, WhatsApp, Facebook, entre outras distrações, tiram o foco do trabalho.

“Hoje muitas empresas se comunicam pelo WhtasApp, mas a pessoa precisa ter muita disciplina para lidar com isso e não perder o foco da atividade”, completa Gisa. Ela recomenda que, no planejamento diário de atividades, a cada 2 horas seja feito um intervalo de 15 minutos para refrescar a cabeça – algo que não seja ligado ao trabalho.

Rotina bem planejada

A médica Louise Montesanti, 39 anos, é mãe de João (6 anos) e Caio (4 anos) e tem um esquema próprio para aumentar sua produtividade e não precisar se alongar no consultório. Sua regra número 1, por exemplo, é acordar cedo. Assim, ela deixa os meninos na escola e chega em seu consultório antes da hora de iniciar o atendimento. É nesse intervalo que ela paga contas e faz a lista de afazeres do dia.

“Deixo meu período no consultório só para atender e todos os recados e trabalho burocrático levo para responder em casa, enquanto os meninos têm alguma atividade”, conta ela, que fica no consultório no período em que os filhos estão na escola, três vezes na semana, pela manhã, para poder pegá-los na saída do colégio.

Para Sabrina Wenckster, 30 anos, consultora de negócios e mãe da Isabela (1 ano e 9 meses), a produtividade começa no planejamento. Se sabemos o que precisamos fazer, conseguimos nos organizar e sermos mais produtivas. E planejamento tem tudo a ver com propósito.

“Precisamos saber por que estamos fazendo aquilo que fazemos. Quando sabemos (e isso faz sentido para gente) e temos planejamento (sabemos o que precisa ser feito para alcançarmos nosso propósito), a produtividade se torna resultado de nossas ações”, afirma ela, para quem o foco no que está fazendo no momento é essencial.

Eu procrastino, tu procrastinas

A procrastinação é uma das grandes vilãs da produtividade e existe porque a energia para trabalhar, que vem do corpo e da mente, é direcionada somente para os nossos objetivos pessoais e naquilo que gostamos. Dessa forma evitamos colocar nossa energia nos aspectos mais rotineiros do trabalho e da vida cotidiana.

“Quando dividimos o nosso trabalho em ‘eu gosto’ e ‘eu não gosto’ nossa ansiedade e tensão aumentam e, ao invés de canalizar a energia igual em todas as tarefas, ficamos à procura de distrações e distraímos aqueles com quem trabalhamos. As pessoas procrastinam porque são humanas e precisam satisfazer seus egos”, explica Sandra Benevento, psicóloga e doutora em desenvolvimento humano pelo IPUSP.

Seja produtiva

Para ajudar na tarefa de tornar o seu expediente mais produtivo, listamos algumas dicas valiosas dadas pela coach de carreira Ana Lisboa e pela presidente da Rede Mulheres que Decidem, Tabatha Moraes. Coloque-as em prática e volte mais cedo para casa!

  1. Defina uma rotina diária para conseguir se organizar melhor.
  2. Faça uma lista de tarefas semanal, começando na segunda-feira com as atividades mais urgentes. Em seguida, liste o que é importante e deixe para quinta e sexta-feira o que tem mais prazo para ser entregue.
  3. Siga a regra do 80/20, ou seja, defina quais são as tarefas que exigem 20% do seu tempo, mas que produzirão 80% dos seus resultados.
  4. Estabeleça um horário máximo para a conclusão de suas atividades no dia e pergunte a si mesma: “O que eu preciso fazer para concluir meu trabalho dentro desse horário? O que estou fazendo que preciso deixar de fazer para concluir minhas atividades dentro desse prazo?”
  5. Não procrastine.
  6. Use a tecnologia a seu favor.
  7. Estipule horário de início e fim para as reuniões, informando a todos sobre o conteúdo do encontro, para que se preparem.
  8. Efetivamente use o tempo na empresa para trabalhar, evitando assuntos paralelos, leituras desnecessárias, acesso à internet com assuntos recreativos e, por fim, os aplicativos de redes sociais e mensagens instantâneas.

 

(Foto: Getty Images)