Aniversário

7 dicas para fazer uma festa só para crianças

Porque uma comemoração sem adultos pode ser mais prática e menos custosa

7 dicas para fazer uma festa só para crianças

Na maioria das vezes, aniversário de criança é sinônimo de um grande evento. É que, além das crianças em si, temos que contar com a presença de todos os familiares, mais os pais de amiguinhos.

Ou seja, são mais gastos e trabalho com comidas, bebidas, acomodação e distrações para os adultos.

Para amenizar as despesas e fazer uma comemoração 100% infantil, tem sido comum a realização de festas somente para a turma pequena.

Isso mesmo: uma festa em que os pais e adultos não são bem-vindos!

Gostou da ideia?

Para te ajudar a elaborar a próxima festa de aniversário do seu filho apenas com a ala infantail, a administradora Karina Batista e o consultor financeiro Kleber Lopes dão dicas certeiras, comprovadas pela experiência de quem já testou esse tipo de evento.

1. Opte por um tema que não dê precedentes para a participação dos adultos. No caso da Karina, a ideia foi fazer da comemoração de 6 anos do seu filho Luis Gustavo uma festa do pijama em sua casa.

 

2. Informe já no convite que a festa é só para os pequenos. Um “Deixe seu filho às 15 horas e busque-o às 20 horas” por escrito deve bastar. Outra opção para evitar saias justas é ligar para os pais alertando sobre o modelo da festinha.

 

3. Garanta que você tenha uma equipe de monitores ou familiares que ajudem na animação do evento e nos cuidados com as crianças. Quanto mais crianças sem a supervisão dos pais, mais ajudantes serão necessários.

 

4. Evite acidentes e garanta a segurança dos pequenos! Tenha sempre em mãos um kit de primeiros socorros e investigue com os pais de cada uma delas a respeito de alergias e intolerâncias. Caso o local seja aberto, tenha sempre controle das entradas e saídas da festa.

 

5. Certifique-se que todos os pais das crianças presentes tenham o seu contato e mantenha-os informados. Uma boa opção é criar um grupo no WhatsApp - inclusive pode ser interessante perguntar a eles o que pensam desse tipo de festa antes de marcá-la.

 

6. Fazer a festa em um local onde há opção para os adultos se distraírem durante o período da comemoração é uma boa ideia. Essa é a dica do Kleber Lopes, que promoveu o aniversário de sua filha Kiara, de 5 anos, em uma área de recreação infantil de um shopping, com direito a salgadinhos, bolo e doces. Com essa opção, os pais podem, por exemplo, fazer compras enquanto aguardam o fim do evento dos filhos.

 

7. Caso seja difícil para os pais das crianças as levarem e buscarem, pense na melhor logística para que a festa seja um sucesso. Prontifique-se a buscá-las com seu próprio automóvel ou alugue uma van que facilite o processo.

 

(Fotos: Getty Images)