Datas Especiais

De casamentos a festas infantis, o bolo certo para cada ocasião

Símbolo maior de toda comemoração, o tão aguardado bolo deve ser pensado de acordo com o perfil dos convidados

De casamentos a festas infantis, o bolo certo para cada ocasião

Casamentos, aniversários, chás de bebê... Todos os tipos de festas têm algo em comum: o bolo sempre é a estrela principal! E cada comemoração exige atenção no que diz respeito à escolha deste elemento tão importante. Por isso, fomos atrás das melhores dicas para ajudá-la nesta árdua (mas deliciosa) tarefa.

Antes de descobrir quais os melhores sabores para cada tipo de evento, o primeiro passo é definir o tamanho da guloseima, referência que vai servir para todos os tipos de bolo. A confeiteira Ana Salinas, proprietária do ateliê que leva seu nome, sugere que, para evitar desperdícios - ou pior: escassez -, o recomendado é estimar 100 g por convidado.

Mas detalhe: não é preciso fazer a conta baseando-se no número total de pessoas - pouco mais da metade já é suficiente. É que, depois de tantos docinhos que costumam ser servidos durante o evento, nem todo mundo experimenta o bolo.

Os melhores sabores para cada comemoração

Definido o tamanho, é hora de escolher o tipo de sobremesa. Em casamentos e noivados, o melhor é apostar nas versões clássicas, por conta da diversidade de convidados. “As noivas não gostam de arriscar muito no sabor, com medo de não agradar a todos. Assim, a maioria escolhe o bolo clássico de baunilha, variando em recheios como doce de leite, brigadeiro e nozes”, conta Joyce Galvão, chef proprietária da All About Cakes.

Apesar da relutância de muitos, Manuela Tricca Duraes, proprietária da Le Malu Ateliê de Bolos, garante que o bolo de chocolate, queridinho de todas as idades, pode, sim, ser servido em casamentos, desde que receba um acabamento fino e um recheio diferente, como trufa, nozes, baba de moça ou doce de leite.

Para os aniversários infantis, a chef garante que o recheio de brigadeiro é a aposta certeira, pois agrada tanto a turma mirim como a crescidinha. Manuela desaconselha apenas recheios de frutas secas, como damasco e ameixa, que têm grande rejeição entre as crianças. Vale também fugir de recheios amanteigados e de sabor ácido, como limão. A blogueira Patrícia Cerqueira tem outras dicas para a preparação de bolo de 1 ano.

Apesar de muitas mães torcerem o nariz diante da ideia de servir bolos decorados com pasta americana, eles podem fazer sucesso entre os pequenos - veja aqui uma receita deliciosa e tire suas próprias conclusões. “Não gosto da ideia de ter um bolo falso na mesa, que não pode ser cortado nem servido. Isso tira toda a magia da hora do parabéns. Quando bem feito, o bolo de pasta americana é tão delicioso quanto qualquer outro bolo”, opina Joyce.

E se as frutas não ganham espaço nas festas infantis, em aniversários de adultos elas são grandes aliadas. Recheios de abacaxi, framboesa e limão têm ganhado destaque nesse tipo de celebração. A ideia mais certeira, no entanto, é avaliar o perfil dos convidados e identificar se são pessoas abertas a novos sabores.

Assim, pode-se montar uma combinação diferente usando uma fruta conhecida. Joyce Galvão sugere opções inovadoras, como rosas com (creme) lemon curd e chocolate com curry.

Já entre os jovens, especialmente as debutantes, o bolo que tem feito sucesso é o misto, com recheio que mescla brigadeiro branco e tradicional.

Alternativas para quem quer fugir do tradicional 

Para Manuela, o naked cake (bolo sem cobertura, como esse que ensinamos para você) veio para ficar! Por aliar sabor e beleza rústica, o bolo sem acabamento pode servir como alternativa diferente para eventos diurnos, como chás de bebê, de cozinha, mini-weddings e aniversários infantis.

Em algumas situações, o bolo pode simplesmente desaparecer e ser trocado por opções diferentes, como torres de cupcakes. “Apesar de não substituírem exatamente uma fatia de bolo recheado, eles são uma boa opção para casamentos mais informais, chás, aniversários e reuniões com amigos – são práticos e charmosos nesses casos”, comenta Ana Salinas.

popcakes e push-up cakes podem ganhar espaço especial na mesa de doces, mas não valem como substitutos do bolo tradicional.

(Foto: Getty Images)