Comportamento

10 filmes românticos para uma noite especial

Fizemos uma seleção de clássicos do cinema para embalar o Dia dos Namorados

10 filmes românticos para uma noite especial

A data mais apaixonante do calendário está chegando. Já que o clima de amor está no ar, nada melhor para celebrar o Dia dos Namorados que uma sessão a dois com os filmes românticos mais adorados de todos os tempos.

Você pode programar um jantar à luz de velas, um delicioso vinho e escolher um filme arrebatador, pois preparamos aqui, uma lista com clássicos deliciosos para embalarem a sua noite romântica.

Mas esses filmes não são apenas para as noites especiais. Você também pode assistir a qualquer um deles na hora que quiser, afinal, uma bela história de amor é sempre inspiradora. 

(Foto: Getty Images)

Perfeitos a dois
1
E o Vento Levou (Gone with the Wind)
Não há dúvidas, a cena marcante que deve receber o título de "o beijo mais apaixonado do cinema" é de Scarlett O'Hara e Rhett Butler em “E o Vento Levou”. Este filme épico, de 1939, narra o romance entre uma garota rebelde do Sul e um homem não tão certinho, jogador e mulherengo, em plena Guerra Civil dos Estados Unidos. Não há filme mais romântico e icônico que esse! Se por um acaso ainda não assitiu, corra, mas saiba que vai suspirar bastante.
2
Noivo Neurótico, Noiva Nervosa (Annie Hall)
Todo fã de Woody Allen concorda que esse é um dos filmes mais românticos do escritor e diretor de Nova York. A química entre Allen, no papel de Alvy Singer, e a bela Diane Keaton, no papel de Annie Hall, é brilhante, mas o que torna esse filme um clássico romântico são os diálogos engraçados e espirituosos que constroem a história de amor dos personagens com inteligência, sem vulgaridade.
3
Harry e Sally - Feitos Um para o Outro (When Harry Met Sally)
Uma história de dois melhores amigos que, apesar de resistirem, não conseguem deixar de se apaixonar. Diálogos cômicos e espirituosos, provenientes de um casal sem igual: Meg Ryan e Billy Crystal. Ela, a menina de ouro das comédias românticas dos anos 80 e 90, vive Sally Albright. Ele, no papel de Harry Burns, é um anti-herói que acabou nos conquistando com aquela declaração de amor inesquecível em uma das últimas cenas do filme. Sim, a da festa de Ano-Novo.
4
Uma Linda Mulher (Pretty Woman)
Julia Roberts nos conquistou com seu sorriso autêntico e irresistível e Richard Gere, com seu olhar sedutor. Esta história de amor entre a adorável garota de programa de Los Angeles e o milionário que caiu a seus pés foi o grande sucesso de 1990 e entrou para a história. Quase 25 anos depois, ela continua a nos comover pela ternura da história e pelo carisma de seus protagonistas.
5
Casablanca
Assim como “E o Vento Levou”, é um ícone de filmes românticos clássicos. Quem pode resistir ao charme de Humphrey Bogart? Sem mencionar a trama com um fim de partir o coração. Essas cenas icônicas entre Bogart e Ingrid Bergman nos inspiram a viajar para 1942, só para usar chapéus, sobretudos e beijar apaixonadamente em preto e branco.
6
Ghost – Do Outro Lado da Vida (Ghost)
Ninguém diria que uma história de amor entre uma menina e um fantasma poderia arrancar tantas lágrimas e suspiros. Mas Demi Moore e Patrick Swayze conseguiram, nesse conto romântico e sobrenatural de 1990, nos emocionar profundamente. Que atire a primeira pedra quem não chorou quando Molly e Sam finalmente fazem contato físico, ela viva e ele em espírito.
7
As Pontes de Madison (The Bridges of Madison County)
Nada como um amor impossível para nos fazer suspirar (e suspirar e suspirar). Meryl Streep interpreta Francesca, uma dona de casa dos anos 50 que conhece o fotógrafo Robert Kincaid, interpretado por Clint Eastwood, quando ele atravessa a cidade onde ela vive para trabalhar em um projeto da revista National Geographic. A atração entre eles é tão intensa que sabemos que devem ficar juntos para sempre, mas as coisas na vida não são tão simples assim. Dois brilhantes atores fazem dessa pequena história algo fantástico.
8
O Diário de Bridget Jones (Bridget Jones's Diary)
Nós amamos Bridget, não há dúvidas. Nós amamos suas inseguranças, seus desastres e seus amores frustrados, mas particularmente adoramos o que ela representa: as meninas perfeitas não são as únicas que podem conquistar o galã. O triângulo amoroso entre Bridget (Renée Zellweger), Daniel Cleaver (Hugh Grant) e Mark Darcy (Colin Firth) é, indiscutivelmente, um dos melhores do cinema.
9
Dirty Dancing – Ritmo Quente (Dirty Dancing)
Outro sucesso dos anos 80, que faz parte da história do cinema por sua discografia memorável, cenas de dança quentes e a química irresistível entre Baby (Jennifer Grey) e Johnny Castle (Patrick Swayze). A dupla “menina inocente e homem mais velho experiente” nunca falha, e essa não uma exceção. Admita: sempre que você ouvir "(I’ve Had) The Time of My Life", fantasiará sobre ter aulas de dança e seduzir o professor.
10
Antes do Amanhecer (Before Sunrise)
Se você ainda não for um fã dessa história de uma francesa e um norte-americano que se conhecem em um trem que vai para Viena e entrelaçam seus caminhos para sempre, não espere mais. “Antes do Amanhecer” é a primeira parte da grande trilogia concebida pelo diretor Richard Linklater e estrelada por Ethan Hawke e Julie Delpy. É romântica, inteligente, fresca e demonstra como sua vida pode mudar para sempre em apenas 24 horas.