Comportamento

Como ser mais feliz em 2016?

Por Helena e Joana Cardoso

Porque o desejo é que a felicidade seja sempre crescente

Como ser mais feliz em 2016?

Na virada do ano costumamos fazer pedidos e planejar novas metas para o ano seguinte. Ser feliz está sempre nos nossos desejos, independente de estar escrito entre os itens a serem conquistados.

Assim como os outros objetivos, felicidade não cai no colo sem que haja direcionamento e esforço para alcançá-la.

Para tanto, por mais abstrata e subjetiva que seja, é preciso batalhar por ela com o mesmo engajamento com que se estuda para passar em um concurso ou ser uma boa profissional.

Não há fórmulas prontas para alcançá-la, mas vou indicar abaixo algumas atitudes que vão te ajudar nessa batalha, seja você uma adolescente ou alguém de idade mais avançada:

- Diga mais "nãos". Muitas vezes, quando falamos "sim" para o mundo, estamos falando "não" para nós mesmas. Repare se o seu sinal positivo é por você ou para outros.

- Seja você! Não se esforce para parecer alguém ou ser quem imagina que agrada o público. Quanto mais distante de si, mais longe da felicidade você está.

- Faça mais do que te dá prazer. Parece óbvio, mas existem muitas coisas na vida que amamos, sentimos falta, mas raramente fazemos. Priorize-as!

- Reconheça suas conquistas. Damos muito valor às vitórias dos outros, mas facilmente desmerecemos as nossas. Assuma cada realização, por menores que sejam. Todas as conquistas são importantes.

- Ajude ao próximo, mas não se esqueça de você. Para estarmos bem, apoiar e dar as mãos para alguém temos, primeiro, que cuidar de nós mesmas. Se cuide!

- Reclame menos e agradeça mais. Tudo é uma questão de ponto de vista. Todos temos coisas boas a agradecer e dores a que se lamentar. Escolha para onde olhar. A vitimização não ajuda a construir, enquanto o agradecimento te dá a confiança e a energia que você precisa para seguir em frente.

Feliz 2016 para todos!

Por Joana Cardoso

(Foto: Morguefile)