Comportamento

Renovando a casa sem gastar muito

Seu “lar doce lar” está precisando de cara nova? Veja como pequenas intervenções podem fazer toda a diferença

Renovando a casa sem gastar muito

Se só em falar numa reforma você já tem arrepios, saiba que existem muitas maneiras de dar um up no visual da casa que dispensam mão de obra qualificada e não fazem aquela bagunça.

Tem mais: há muitas ideias práticas, que nem chegam a afetar o bolso. Confira as dicas abaixo e deixe fluir a decoradora que existe em você.

Sala de estar

Apostar nas cores é fundamental para mudar a “cara” da sala de convivência da família. A simples solução de pintar uma parede pontual com tom forte pode transformar o ambiente sem torná-lo cansativo. O mesmo acontece quando aplicado tecido ou papel nas paredes.

Para a arquiteta Marcy Ribeiro, trocar um ou outro móvel por uma peça de design é uma boa saída. “Também é possível pintar de cor expressiva um móvel antigo, dando a ele status de ícone do ambiente”, orienta.

Quando o assunto é tinta, o arquiteto André Bove, da Raduan Arquitetura, sugere os produtos que apresentam textura ou ainda os que possuem composição magnética, o que permite personalizar o espaço com fotos e colagens fixadas por ímãs.

Mas se você está pensando em mudar o estilo da sala sem “sujar as mãos”, apele para novas capas de almofadas e quadros com gravuras diferenciadas. “Organizar os livros por cores ou usar prateleiras e nichos aparentes também são artifícios eficientes”, diz André.

Em alta na decoração, os pallets são ótimos coringas. Um exemplo é usá-los como base para futons, virando um sofá. Marcy gosta da ideia de utilizar caixas resistentes como nichos decorativos, além de baús de armazenagem como assentos confortáveis.

E que tal dar nova função à escada antiga, encostada na garagem? Basta apoiar tábuas nos degraus e transformá-la em prateleira para livros. Fica show!

Quarto

Por ser um cômodo íntimo, é inspirador imprimir o gosto pessoal. Alguns itens dão esse toque particular, como colchas feitas à mão e criado-mudo customizado – com pintura especial ou revestimento de tecido. Lembranças são mais que bem-vindas, então, vale criar mural de fotos com painel de madeira, por exemplo.

O consultor de vendas Michel Corrêa e sua esposa Camila Fornereto pesquisaram bastante antes de colocar em prática o plano para renovar o quarto (abaixo). Escolherem o azul para uma das paredes e as outras ficaram no tom gelo.

Quarto

Para dar um ar mais rústico, usaram pallets (conseguidos de graça em uma transportadora) para fazerem a cabeceira da cama. Já os quadrinhos suspensos por fitas de cetim presas em um varão de cortina trazem mensagens positivas impressas. “Uma dica é usar tinta à base de água na madeira, porque o cheiro forte demora menos para sair”, afirma.

Quarto infantil

Os pequenos também merecem ter o quarto repaginado. Para isso, nada melhor do que soltar a criatividade e aproveitar elementos que você já tem em casa. Baldes coloridos servem para armazenar brinquedos (importante separá-los por categoria) e potes plásticos revestidos com tecido são ideais para colocar lápis de cor, giz de cera e pequenos objetos.

Uma sugestão é dar função decorativa às caixas organizadoras, escolhendo versões coloridas que combinem com o restante do quarto. Nichos e baús de tons vibrantes conseguem unir funcionalidade e beleza, pois acomodam os brinquedos e enobrecem a decoração.

Cozinha e banheiro

Os home centers estão cheios de novidades para renovar esses cômodos sem precisar de quebra-quebra. Para os mais habilidosos, André sugere sobrepor revestimentos novos aos já existentes – sim, já estão disponíveis muitas linhas que permitem esse tipo de uso.

Se assentar pisos e azulejos não é o seu forte, a dica da arquiteta Marcy é aplicar pastilhas adesivas, trabalhar com tapetes diferentes, como de sisal, e reutilizar garrafas coloridas como aromatizador de ambiente.

Quanto à decoração da cozinha, tire partido da moda retrô e deixe à mostra eletrodomésticos com design antigo.

Michel e Camila tiveram uma boa experiência remodelando o banheiro do apartamento (abaixo), que era antigo e com aspecto vintage.

“Pintei com tinta époxi branca para clareá-lo e comprei pela internet adesivos que imitam pastilhas para fazer uma faixa verde na parede. Também com tinta epóxi, pintei a moldura do espelho e comprei um gabinete de rodinha que já vinha com espaço para acoplar a pia avulsa. Como queria algo mais despojado, minha esposa comprou três nichos para apoiar toalhas de rosto e alguns enfeites”, detalha o marido.

É bom saber…

A iluminação é capaz de mudar totalmente a atmosfera do ambiente. Então, ela não pode ficar de fora da lista de mudanças. Marcy afirma que, para uma cena aconchegante, pode-se usar luz indireta voltada para a parede ou o teto, compondo com alguns focos pontuais – como abajures, perfeitos para isso. “Transforme garrafas de vidro ou vasos de cerâmica em uma bela luminária”, propõe.

Quadros e porta-retratos são elementos decorativos especiais por transmitir sensações, contar histórias​ e complementar o espaço de forma personalizada. As opções de imagens vão desde gravuras, fotos e desenhos até uma obra pessoal. O mesmo vale para as molduras, ​que podem ser compradas em tamanhos e estilos variados ou confeccionadas em casa. 

André sugere pintar de cores vivas pedaços de madeira antiga, fazendo uma arte própria para a decoração. Viu? Ideia é o que não falta. Agora, é só colocar a mão na massa.

(Fotos: Getty Images e acervo pessoal)