Disney Baby

O choro do bebê (e uma mãe em apuros!)

Por Nívea Salgado
@Mildicasdemae

Minha filha chorava tanto nos primeiros meses de vida, que até hoje me sinto em pânico quando um bebê começa a chorar. E você, viveu isso também?

O choro do bebê (e uma mãe em apuros!)

O que você sente quando ouve um bebê chorando? O coração dispara e você se segura para não sair correndo e acudir? Então saiba que não é a única no mundo!

Desde que eu me tornei mãe, o alerta do choro passou a fazer parte das funções exercidas pelo meu cérebro. Ele toca em qualquer lugar, a qualquer momento: pode ser com minha filha ou com um outro pequeno, ligado por um simples choramingo, ou por uma choradeira barulhenta.

Quando minha Catarina chegou em casa, eu não estava preparada para ouvir horas incessantes de choro. A agonia de querer ajudar, de desejar entender o que estava acontecendo (é fome? Sono, fralda molhada, cólicas, falta da mãe?) e não conseguir, só pode ser entendida por uma outra mulher que já passou por uma experiência semelhante. Essa é uma das marcas que a maternidade me trouxe, e confesso que não sinto muitas saudades dos primeiros meses de minha filha, justamente pela sensação de pânico que suas lágrimas me causavam.

Lembro-me de um episódio ocorrido na casa de minha sogra - Catarina dormindo no carrinho em um dos quartos, enquanto o resto da família conversava na sala. Até que a pequena esboçou um leve chorinho, e imediatamente eu e a avó pulamos do sofá e nos materializamos ao seu lado, em questão de segundos. Ela, mesmo com filhos adultos, ainda tinha o alarme ativado!

É claro que, com o passar do tempo, você aprende a controlar o impulso de socorrer o bebê e aprende a modular o alarme - para choros estridentes (aqueles em que você tem certeza de que o filhote se machucou, mesmo não tendo visto o que aconteceu), a urgência é maior; para os chorinhos, você vai falando ao longe, até chegar ao seu filho. Mas o coração, esse não tem jeito - ele sempre bate mais rápido e só para quando você abraça o pequeno e diz a conhecida frase: "está tudo bem, mamãe está aqui".

(Foto: a4gpa/Creative Commons)

comentarios bebê, choro, mãe, maternidade