Disney Baby

Pais: ser ou não ser, eis a questão...

Quando surge o desejo de ter um filho, costumam aparecer muitas questões sobre a criação de uma criança que devem ser respondidas pelo casal

Pais: ser ou não ser, eis a questão...

Você olha para aquele bebê lindo e sorridente da sua amiga e logo sente em seu coração uma vontade louca de ter um filho. De fato eles são fofos e trazem grande alegria à vida de um casal. Mas ter um filho significa aceitar que sua vida não será mais a mesma depois que ele nascer. Alguns ajustes são necessários – e isso não quer dizer que você precisará ser uma pessoa diferente; apenas reorganizar suas prioridades.

Ter um filho é uma das decisões mais importantes e emocionantes, mas é preciso saber que ninguém é obrigado a se tornar pai para ser feliz. Confira abaixo algumas questões que você e seu companheiro devem responder e decida com consciência se é hora - ou não - de ter um bebê.

Tudo muda...

Ter um filho pode ser o projeto mais importante de um casal, por isso, é fundamental considerar algumas questões. A chegada de um filho faz com que tudo se transforme, especialmente para a mãe, que é a primeira a entrar em cena, levando o bebê em seu ventre.

Como mulher, você deve se perguntar se está preparada para dar prioridade à vida de outra pessoa sobre a sua própria; se você está tranquila para mudar sua rotina em função do bebê; se você está preparada para reduzir suas horas de trabalho ou, até mesmo, para deixá-lo durante os primeiros meses de vida da criança e, também, quando o bebê precisar.

Você está ciente de que talvez essa seja a mudança mais brusca de sua vida, já que ela se modificará em todos os aspectos?

Muitas dúvidas...

Por que você quer ter um bebê? Em que ambiente você gostaria que ele crescesse? Que tipo de educação lhe parece apropriada? Você tem condições econômicas de criá-lo? Você está disposta a dar-lhe todo o amor do mundo?

Algumas perguntas podem não ser fáceis de serem respondidas, mas incentivam a autorreflexão e a reflexão em casal. Uma criança necessita de muito amor e atenção. Certamente, no fundo do coração, sabe-se o que se pode e o que não se pode fazer.

Já posso engravidar?

É aconselhável realizar uma consulta com um médico antes de pensar em engravidar, para saber se está em condições de ter um bebê. A saúde da criança depende da saúde da mãe durante os nove meses da gestação e todo o período de amamentação. E, nesse sentido, o obstetra dá as orientações necessárias para que o bebê se desenvolva de forma saudável.

Talvez haja alguns hábitos que devam ser abandonados, como tomar bebidas alcoólicas ou fumar. Você está disposta a abandoná-los? A alimentação também deverá ser modificada, no caso de ser deficiente ou inapropriada, já que o bebê se alimenta através de sua mãe durante a gestação.

Em caso de doença o médico deverá dar instruções a serem seguidas durante o curso da gravidez.

Como fica o relacionamento do casal?

Quando se espera um filho, pode-se pensar que não haverá o mesmo amor para o casal. Mas a compreensão, a comunicação, o conhecimento, a paciência e a tolerância são a base para um bom relacionamento. Os papéis vão se confundir com o nascimento da criança, mas os pais não podem se esquecer de agir como um casal.

Como saber se está "bem preparado" para viver uma nova fase que nunca foi experimentada antes? Se há um sincero desejo de serem pais e, se o casal for responsável, tudo ficará bem. Porque, nesta fase, aprende-se vivendo cada dia de uma vez.

As crianças geram nos pais a capacidade de compreender e de mudar para sempre, adaptando-se às novas exigências. E assim será, pelo o resto de seus dias.