Nutrição

Vitaminas e minerais importantes no crescimento infantil

Por Andrea Alves

Você conhece os nutrientes importantes da alimentação das crianças?

Vitaminas e minerais importantes no crescimento infantil

O cuidado com a alimentação das crianças é algo que as mães naturalmente já fazem. Diz o ditado que “comidinha de mãe sempre tem mais sabor”, o que é verdade! Mas será que mesmo a comida do dia a dia contém todos os nutrientes necessários para o crescimento dos pequenos?

Desde as etapas de produção até o preparo e consumo dos alimentos podem fazer com que muitos nutrientes importantes se percam. Isso é válido até para quem consome alimentos frescos e orgânicos – o cozimento em água, por exemplo, pode fazer com que as verduras e legumes percam boa parte das vitaminas e minerais, já que alguns desses nutrientes são sensíveis ao calor ou se perdem na água do cozimento, segundo pesquisa da Universidade de Nutrição e Bromatologia de Múrcia, Espanha.

No caso das crianças, atingir o consumo ideal de vitaminas e minerais somente através da alimentação pode ser até mais desafiador, pois elas rejeitam muitos alimentos por não terem o paladar ainda maduro, fenômeno chamado Neofobia Alimentar, como explica a nutricionista Mariana Rodrigues. 

O cálcio, por exemplo, mineral fundamental para o crescimento ósseo, não só compõe nosso esqueleto como atua também nas funções neuromusculares e na coagulação do sangue. Duas das maiores fontes de cálcio na dieta, além dos laticínios, são o feijão branco e os flocos de cereais (Franco, G. “Tabela de Composição Química dos Alimentos”, 9ª edição, 1997, Editora Atheneu).

O ferro atua principalmente no transporte e armazenamento de oxigênio do sangue (segundo Tabela Brasileira de Composição de Alimentos, NEPA, UNICAMP, 2011).

“Alguns componentes como o tanino (presente no chá e café) e os polifenóis, quando consumidos na mesma refeição, inibem a absorção de ferro. Já a vitamina C ajuda a triplicar os índices de absorção do ferro, assim como a vitamina D, fundamental na assimilação do cálcio”, explica a nutricionista.

Tanto a combinação ideal como a quantidade a ser consumida de cada alimento, requerem educação, planejamento da dieta e dedicação diária para o preparo. Portanto, discuta com o seu médico/nutricionista se a dieta do seu filho atende as necessidades diárias de nutrientes recomendadas.

Suplemento é o nome que se dá ao composto contendo nutrientes a serem ingeridos pelo organismo. Pode ser de macronutrientes, como os carboidratos e proteínas, ou micronutrientes, como as vitaminas e minerais, e é recomendado quando o indivíduo, por diferentes fatores, não consegue alcançar as doses necessárias de nutrientes em sua alimentação.

Hoje existem suplementos que ajudam as mamães, como é o caso da Vitawin Kids, que traz em sua fórmula ferro, cálcio, vitamina C e D. É uma combinação de nutrientes para o bom crescimento das crianças.

E tudo que a gente quer é ver os pimpolhos saudáveis, livres de doenças e cheios de energia para aproveitar melhor a fase mais gostosa da vida, não é?

 

NÃO CONTÉM GLÚTEN.

Registro no Ministério da Saúde: Dispensado da obrigatoriedade de registro, conforme Resolução RDC nº 27/10.

BR-VITK-15.09.02 – Setembro/2015

* PUBLIEDITORIAL

(Foto: Getty Images)