Obesidade Infantil Não

Você consegue se imaginar comendo cerca de 51kg de açúcar por ano?

Parece muito? Essa é a média que o brasileiro consome. São mais de 4 kg por mês!

Você consegue se imaginar comendo cerca de 51kg de açúcar por ano?

O documentário Muito Além do Peso, que fala sobre a obesidade infantil, apresentou o surpreendente dado de que, no Brasil, cada pessoa consome aproximadamente 51 kg de açúcar por ano. 

“Mas na minha casa 1 kg dura vários meses”, você pode dizer.

Pois saiba que a maior parte do açúcar que consumimos está “escondido” nos alimentos, principalmente nos industrializados. E é preciso ficar muito atento a isso.

“O açúcar é o grande responsável pela epidemia de obesidade que existe atualmente no mundo e, consequentemente, pelo surgimento de doenças crônicas, como diabetes e hipertensão. Todas essas doenças, há um tempo, eram apenas encontradas em adultos, mas atualmente o aparecimento delas em crianças tem ficado cada vez mais recorrente”, pontua a nutricionista Luana Stoduto.

Para evitar que esses problemas de saúde apareçam para você ou para seus filhos, é preciso começar a prestar atenção ao que é colocado na mesa! Segundo a nutricionista Cinthia Monteiro, professora do Centro Universitário São Camilo, isso significa ficar de olho no rótulo.

“No Brasil não é obrigatório ter a quantidade de açúcar na embalagem. Então procure sempre olhar a parte de ‘ingredientes’ dos produtos que compra. Se os primeiros ingredientes mencionados foram açúcar ou xarope ou amido de milho, quer dizer que há uma grande quantidade de açúcar no produto”, explica.

Segundo a ONG Action on Sugar, que trabalha com a conscientização em relação ao consumo de produtos, o ideal é que um adulto coma no máximo 30 gramas de açúcar por dia. Já para crianças de até 6 anos, esse consumo não pode ultrapassar 19 gramas diários.

Para facilitar o seu trabalho, as especialistas nos ajudaram a fazer uma lista dos produtos que costumam ter mais açúcar em sua composição, apontando opções mais saudáveis para substituí-los.

Ah! Lembre-se de que as quantidades variam de uma marca para outra, portanto, não esqueça: fique de olho nos rótulos!

Suco de caixinha

Para manter uma rotina saudável, fuja dos sucos de caixinha. Um copo de néctar de uva pode chegar a ter 22 gramas de açúcar! O ideal é fazer o suco de fruta mesmo.

Biscoito recheado

3 bolachas recheadas têm uma média de 7 gramas de açúcar: mais da metade do que uma criança deve comer no dia. Cookies integrais são uma boa substituição.

Cereal matinal

Parece uma opção saudável, mas pode enganar. Algumas marcas de cereais chegam a ter 7 gramas de açúcar em 1 xícara do produto. Opte por cereais integrais ou, se realmente quiser experimentar os açucarados, reduza a quantidade pela metade.

Chocolate em pó

O produto pode transformar o leite em uma bomba para a saúde: 3 colheres de achocolatado chegam a ter 16 gramas de açúcar! Vale substituir por cacau em pó ou até mel.

Iogurte

Existem iogurtes de todo tipo, mas alguns podem ser verdadeiros vilões. Um pote de iogurte de morango chega a ter 20 gramas de açúcar. As versões com caldas também são perigosas. O ideal é comprar iogurte sem açúcar ou prepará-lo em casa.

Chocolate

2 quadradinhos de chocolate ao leite têm, em média, 8 gramas de açúcar. O jeito é ficar de olho na quantidade e reduzir o consumo – 1 quadradinho apenas para matar a vontade. Ou, então, optar por comer frutas quando quiser um doce.

Molho de tomate pronto

Apesar de ser salgado, o molho de tomate de saquinho tem bastante açúcar: entre 4 e 6 gramas de açúcar em 60 gramas de molho. O ideal é prepará-lo em casa com tomates. Na correria, opte por temperar o macarrão com azeite e sal ao invés do molho pronto.

(Fotos: Getty Images e Pinterest)