Comportamento

Artista pop amputada mostra que sensualidade é questão de atitude

Por Renata Deos

Viktoria Modesta movimenta a cena pop mundial com o videoclipe "Prototype"

Artista pop amputada mostra que sensualidade é questão de atitude

Viktoria Modesta é uma artista pop inglesa de 26 anos. Há 6, tomou a séria decisão de amputar a perna esquerda pouco abaixo do joelho por um problema que sofria desde seu nascimento, decorrente de negligência médica em seu país de origem, a Letônia.

Desde seus 12 anos em Londres, quando mudou-se com os pais, Viktoria sabia que retomar o controle de seu corpo era imperativo. A artista começou como modelo aos 15 anos e tem diversos trabalhos estampando revistas como Bizarre, Vogue, Grazia, Femina etc. Além de modelo, ela é cantora e também compõe.

Por causa da final do reality show britânico "X Factor", no domingo, 14 de dezembro, seu recente trabalho "Prototype" foi veiculado graças ao Channel 4, por £ 200.000, no intervalo do programa para mais de 10 milhões de telespectadores.

Por que estou escrevendo sobre ela?

Você se lembra de alguma personalidade com algum tipo de deficiência que tenha tido espaço no meio pop? Não apenas no meio pop, mas que tenha uma alta dose de sensualidade?

Viktoria Modesta, com sua perna "ciborgue", abre um espaço dentro de um ambiente difícil em que o belo, o perfeito, o produzido, o formatado são os que prevalecem.

Claro que a produção de "Prototype" segue as regras do pop com sua formatação de beleza e perfeição. Mas é impossível não ver a perna mecânica, seja ela em neon, luz fria, cravejada de cristais ou na forma de um spike gigante.

Viktoria é uma mistura de Rachael, de "Blade Runner", interpretada por Sean Young, e Stéphanie de "Ferrugem e Osso", vivida por Marion Cotillard.

Com a parte mecânica temos a sensação funcional, moderna, do futuro que chegou. Com a parte emocional sentimos a vida real, que tem dificuldades, que tem acidentes, que tem injustiças. 

Viktoria Modesta fala no making of do videoclipe a respeito da vida. Ela argumenta que existe uma grande diferença em você viver sentindo que é vítima das circunstâncias ou viver sabendo que está fazendo as próprias escolhas.

Ela escolheu fazer o que gosta e remover o que a impedia de seguir.

Não há nada mais bonito e sensual do que nos amar!

 

O que você achou do videoclipe?

(Fotos: Twitter de Viktoria Modestamaking of do videoclipe)