Comportamento

Tomar banho com nossos filhos?

Ficarmos nuas diante dos nossos filhos e compartilhar um momento enquanto tomamos banho não é algo aceitável para todos

Tomar banho com nossos filhos?

Há alguns anos, enquanto conversava com uma amiga, ela me perguntou: "Você nunca tomou banho com seus filhos?" E os meus olhos saíram de órbita enquanto lhe dizia um sonoro "não" como resposta.

E não estou me referindo a levar o “moisés” ou o carrinho ao banheiro enquanto tenta tomar um banho rápido antes que o bebê acorde (situação que, acredito, todas nós vivemos). Quero dizer compartilhar a banheira.

Como eu sou uma mãe de meninos, me parece essencial preservar a intimidade. Entendo que algumas mães compartilham o banheiro com a filha por quererem que ela tenha uma identificação com o corpo da mulher, ou o inverso, com os pais e seus filhos. Mas, quando se trata de sexos opostos, de jeito nenhum.

Além disso, acredito que há uma idade para tudo. Que uma menina de 6 anos tome banho com o seu pai, parece-me uma loucura! Para mim, preservar a intimidade dos adultos com as crianças é fundamental. Qual é a necessidade de expor uma menina a isso?

Me parece aceitável, ainda que eu não o faria, só até 1 ou 2 anos e sendo do mesmo sexo – depois me parece algo desnecessário.

Certamente alguém me dirá que o corpo é a coisa mais natural do mundo e se alguma europeia ler isso irá lhe soar estranho, porque elas têm muito menos pudores com seu corpo.

Mas pensemos em conservar o único momento de privacidade que nos resta. Não há nada melhor do que desfrutar de um bom banho sozinha, sem os olhos de ninguém, apenas nós e nossa mente.

Que as crianças ocasionalmente nos vejam nuas em casa, não me parece grande coisa, mas compartilhar um momento de intimidade, como eu considero o banho, parece-me inapropriado.

Muitas das minhas amigas não compartilham da minha opinião e, por isso, gostaria de convidá-las a dialogar (com respeito às diferentes opiniões): qual é a sua postura sobre o tema?

Por Rosario Gerardi