Educação e Desenvolvimento

Horta em casa - sim, é possível!

Por Jorge Freire Jr.

O mais bacana é poder ensinar as crianças que os alimentos não nascem nas prateleiras dos supermercados

Horta em casa - sim, é possível!

Aqui em casa temos um espaço onde eu planto salsinha, manjericão, cebolinha, alface, couve, tomate, alecrim entre outras coisas. Faço isso por duas razões: gosto de ter produtos frescos e para mostrar para o Padawan que o nosso alimento não nasce nas prateleiras dos supermercados.

Considero essa prática importante para os Padawans. Eles precisam ver de onde vem o seu alimento, como ele é plantado e quando pode ser colido. Uma lição de biologia na prática é muito bem-vinda!

E ao fazer isso com o Padawan facilita, e muito, a introdução de novos alimentos nas refeições. Várias vezes ele me ajudou a colher a alface para fazer uma salada. E comeu com gosto!

Os brasileiros não têm a prática de fazer hortas urbanas. A desculpa de morar em prédio não cola mais: muitos apartamentos hoje têm uma bela varanda e até outras áreas que podem ser usadas para uma linda horta comunitária. Um pequeno espaço já é o suficiente para que você possa plantar algo! E ainda existe a possibilidade de fazer hortas verticais!

Na Europa essa prática de hortas comunitárias é muito comum e durante o século 19 começou a ganhar força. Só para você ter uma ideia estima-se que em Berlim (cidade grande e com muitos prédios) tenha mais de 80 mil hortas urbanas! Na Rússia mais de 72% das famílias que moram em áreas urbanas tem sua hortinha.

A foto acima é da minha hortinha. Como colhemos tudo esses dias precisei plantar novamente. O Padawan já fica ansioso para que aquele pezinho de alface cresça rápido para ele fazer uma salada. Meu objetivo foi alcançado e tenho certeza que quando o Padawan crescer ele irá fazer uma horta em sua casa ou apartamento. E espero que muitos outros Padawans, no futuro, façam o mesmo.

(Via)

(Foto: arquivo pessoal)