Disney Baby

Antecipar o parto pelo signo do bebê?

Por Nívea Salgado
@Mildicasdemae

A atriz Ana Paula Tabalipa gerou grande discussão sobre o tema ao declarar que tomou essa atitude para que o filho nascesse sob o signo de Leão. Você faria o mesmo?

Antecipar o parto pelo signo do bebê?

Nessa semana, uma declaração da atriz Ana Paula Tabalipa, grávida de seu quarto filho, causou grande discussão nas redes sociais. Em entrevista para o site Ego, ela afirmou ter antecipado o parto de um de seus filhos para evitar que ele nascesse sob o signo de Virgem. Segundo ela, o menino nasceu leonino, “quase prematuro, e precisou ficar na UTI”, por conta da antecipação do parto.

Confesso a vocês que, quando a reportagem passou por minhas mãos, eu custei a acreditar que uma mãe tomaria uma atitude como essa. Afinal, como contrariar uma lei básica da vida - a de que toda concepção tem um tempo certo para acontecer? Não é por acaso que a gestação humana dura quarenta semanas (e não trinta e seis, ou cinquenta!); esse é o período necessário para que o feto se desenvolva a ponto de estar pronto para chegar ao mundo.

Antecipar um parto propositalmente significa fazer o filho pagar o preço de um pulmão ainda despreparado para respirar sem auxílio. Significa correr um risco desnecessário, para impor a vontade de uma mãe. E considerando que isso tenha sido feito para escolher o signo do bebê, o grande motivador seria o desejo de determinar as características do filho, desde seu nascimento.

E aí eu me pergunto: que sabedoria materna é essa que se considera maior do que a da natureza?

Ah, mas eu diria que tem mais aí. Porque não querer que o filho tenha um determinado signo (como se houvesse um melhor do que o outro!), significa tentar evitar a convivência com um indivíduo com determinadas características (que são relacionadas a ele, para quem acredita em astrologia). Aí talvez caiba uma análise individual da mãe do porquê desse desconforto. Em geral a resposta do incômodo não está no outro, e sim em si mesma.

 

(Foto: Getty Images)

comentarios parto, bebê, signo, maternidade