Família

Vida de casado e o risco da monotonia

Por Jorge Freire Jr.

É preciso lidar com esse risco do casamento. Veja 5 dicas para evitá-lo

Vida de casado e o risco da monotonia

Não tem como negar que a nossa vida de casado acaba caindo na monotonia com a chegada dos Padawans.

Quer dizer, de monótono não tem nada, pois eles apavoram o tempo todo, mas você entendeu o que eu quis dizer.

Pois bem. A rotina do trabalho, cuidar do Padawan e afazeres domésticos dragam toda as nossas energias e o que queremos no final do dia é a nossa linda e maravilhosa cama.

Aquela conversa com a parceira na hora do jantar, ficar pertinho assistindo a um filme ou apenas abraçados na cama acabam sendo uma lembrança de uma vida passada em uma galáxia muito, muito distante....

Precisamos (e devemos!) não deixar que isso ocorra, pois a monotonia é um perigo para o casal. É nela que a distância é criada e, em pouco tempo, o elo que une vocês se rompe.

Selecionei 5 dias que ajudam a evitar essa armadilha:

  • Não deixar seu Padawan dormir em sua cama. E se você é adepta da cama compartilhada, dê uma meta para o fim dela. É importante o casal ter um lugar só dele para que possa conversar e ficar mais à vontade.
  • Viajar sozinhos. Os seus Padawans podem muito bem ficar cinco, seis, dez dias com os avós ou tios. Uma viagem a dois é importante para resgatar a cumplicidade esquecida do casal.
  • Não leve trabalho para casa. É também importante você reservar o tempo em casa para mimar a sua parceira.
  • Estão curtindo um jantar? Então não use o smartphone! Deixe ele sobre a mesa e não acesse as redes sociais ou o e-mail. Se fizer o contrário, em vez de ter um contato real com o sua parceira, você acaba tendo um contato virtual com pessoas que nunca viu na vida.
  • Façam planos! É importante que vocês tenham interesses em comum. Conversar e sonhar com uma viagem ou uma reforma da casa é um belo caminho para isso.

 

E se você tiver mais uma dica, deixe nos comentários!

(Foto: Arquivo pessoal)