Tecnologia

Você expõe muito seu filho nas redes sociais?

Por Jorge Freire Jr.

Será que expomos muito nossa família? Mais: será que isso pode ser perigoso?

Você expõe muito seu filho nas redes sociais?

Comecei a compartilhar minha experiência paterna quando soube que seria pai, em outubro de 2009. Hoje meu blog é uns maiores do Brasil nesse nicho.

Muitos dizem que eu acabo expondo demais o meu filho e isso pode ser perigoso. Concordo. O mundo é perigoso e precisamos ficar SEMPRE atentos.

Mas criei alguns protocolos a fim de controlar a exposição da minha família. São procedimentos simples que irão ajudar muito a protegê-los.

 

  • Não poste em nenhuma rede fotos do seu Padawan com uniforme escolar!

 

Por mais que você se orgulhe do fato de seu filho ser o melhor da classe ou ele ser o atual campeão do judô, não poste fotos mostrando o uniforme ou alguma outra roupa que identifique o nome do local. Por mais controlado que seja a saída/entrada desses lugares, é muito fácil alguém ir até lá e te seguir até a sua casa.

Se você quiser compartilhar fotos da escola, faça em modo privado.

 

  • Não faça check-in e, sim, check-out

 

Se você tem o hábito de usar aplicativos para compartilhar onde está, acione-o apenas quando estiver saindo do local e já dentro do carro.

Se alguém estiver te stalkeando, você dará de bandeja o local  que está. E dependendo de onde é, a pessoa pode determinar o tempo que você ficará por lá.

Quando estiver com o seu filho ou filha então é melhor nem compartilhar essas informações. E nem pense fazer check-in na sua casa!

 

  • Fotos, só de roupa

 

Pedófilos sempre existiram. Eles estão no parquinho ao lado da sua casa, nas aulas de natação e, infelizmente, até mesmo dentro das escolas. Com a internet criou-se um mercado para esse tipo repugnante de gente. Fotos de crianças rodam o mundo e essas pessoas usam muitas fotos cujos pais, inocentemente, compartilham nas redes sociais.

Tire fotos dos seus Padawans somente quando eles estão vestidos. De biquíni e sunga, ok, mas com parcimônia.

Compartilhe suas dicas nos comentários abaixo!

(Fotos: Getty Images e arquivo pessoal)