Viagem e Férias

É tempo ideal para ver... pinguins!

Eles são fofos, divertidos e garantem um bom passeio ao zoológico ou ao aquário com as crianças

É tempo ideal para ver... pinguins!

A estação mais fria do ano chegou, assim como as férias escolares. Para não passar esses dias dentro de casa, que tal pensar em um programa diferente para fazer junto com seus filhos?

Um passeio criativo e que os pequenos vão amar é ver os animais de pertinho. Mas não é qualquer bichinho, tem que ser o pinguim! 

Afinal, toda criança pensa que ele vive no frio, no meio do gelo e da neve. Pelo menos nos desenhos, não é? Essa é a graça de fazer o programa no inverno.

Mas, durante a excursão, vale explicar que nem todo pinguim gosta de frio e que apenas algumas espécies suportam temperaturas tão baixas. E é por isso que o animal também existe no Brasil, um país tropical.

Se o seu plano é viajar durante o recesso escolar, existem vários países que mantêm pinguineras onde é possível ver os pinguins aos montes.

Mas, se a sua ideia é ficar por aqui mesmo, há também várias opções de zoológicos e aquários espalhados pelo país.

A espécie mais comum encontrada no Brasil é o pinguim-de-magalhães – uma ave migratória da Patagônia argentina. Os mais jovens costumam percorrer longas distâncias em busca de alimento durante o inverno.

Por forte influência das correntes marítimas, esses animais acabam chegando em grande número ao litoral brasileiro, principalmente no Rio Grande do Sul.

Gostou da ideia de passeio? Então, veja algumas sugestões e já agende a sua visita!

Aquário de Ubatuba 

Abriga 10 pinguins-de-magalhães encontrados em praias da região e reabilitados pelo Instituto Argonauta. Um diferencial desse aquário (foto acima) é a alimentação interativa – ou seja, os visitantes podem ajudar a equipe que cuida dos pinguins a alimentá-los.

Funcionamento: das 10 às 20 horas (quinta a domingo), das 10 às 22 horas (sexta, sábado, domingo e, diariamente, durante as férias escolares).
Alimentação interativa: das 11h30 às 17 horas (sábados, domingos e feriados)
Endereço: Rua Guarani, 859 – Itaguá - Ubatuba (SP)
Telefone: (12) 3834-1382
Ingressos: R$ 20 (inteira), R$ 10 (estudantes, idosos e professores da rede pública), cortesia para menores de 5 anos.

Aquário de São Paulo 

Aquário de São Paulo

No local, é possível ver de pertinho 8 fofíssimos pinguins-de-magalhães, que sempre atraem a atenção da garotada.

Funcionamento: das 9 às 18 horas (segunda a domingo)
Endereço: Rua Huet Bacelar, 407 – Ipiranga – São Paulo (SP)
Telefone: (11) 2273-5500
Ingressos: R$ 45 (inteira), R$ 35 (crianças de 3 a 12 anos), R$ 20 (idosos acima de 60 anos) e entrada gratuita para crianças menores de 3 anos e portadores de deficiências físicas.

Aquário de Santos

Aquário de Santos

O local abriga 24 pinguins-de-magalhães em um solário de 76 m2 e 6 metros de altura. A piscina, com 1,20 m de profundidade, é de água salgada.

Funcionamento: 9 às 18 horas (terça a sexta), 9 às 20 horas (sábado, domingo e feriado). Nas férias escolares, fica aberto das 9 às 19 horas.
Endereço: Praça Luiz La Scala, s/nº - Ponta da Praia - Santos (SP)
Telefone: (13) 3278-7830
Ingressos: R$ 5 (inteira), R$ 8 (ingresso combo, que também dá acesso ao Orquidário), entrada gratuita para crianças até 12 anos e idosos com mais de 60 anos. Estudantes e professores pagam metade dos valores.

Acqua Mundo – Guarujá  

Acqua Mundo - Guarujá

O local conta com uma colônia de 17 pinguins-de-magalhães, sendo que 3 deles nasceram no próprio aquário.

Funcionamento: 10 às 18 horas (segunda a sexta-feira), 10 às 21 horas (sábado), 10 às 19 horas (domingo) e 10 às 22 horas (feriados)
Endereço: Avenida Miguel Estéfno, 2001, Praia da Enseada – Guarujá (SP)
Telefone: (13) 3398-3000
Ingressos: R$ 30 (adultos), R$ 20 (crianças de 2 a 12 anos) e R$ 15 (idosos acima de 60 anos).

Aquário de Natal  

Abriga 6 pinguins-de-magalhães com idades entre 1 e 3 anos.

Funcionamento: 8 às 17 horas (domingo a domingo)
Endereço: Avenida Litorânea, 1091- Redinha Nova – Natal (RN)
Telefone: (84) 3224-2177
Ingressos: R$ 15 (inteira) e R$ 7,50 (crianças de 2 até 8 anos e pessoas acima de 60 anos)

RioZoo 

RioZoo

Lá você pode ver 3 pinguins-de-magalhães em um grande tanque com água salgada.

Funcionamento: 9 horas às 16h30 (terça a domingo)
Endereço: Parque da Quinta da Boa Vista s/nº, São Cristóvão – Rio de Janeiro (RJ)
Telefone: (21) 3878-4200
Ingressos: R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia - para estudantes mediante a documentação escolar e idosos a partir de 60 anos).

GramadoZoo 

GramadoZoo

O zoo abriga 9 pinguins-de-magalhães. O visitante pode acompanhar o trabalho de condicionamento e alimentação dos animais, realizado diariamente pela equipe veterinária.

Funcionamento: 9 às 17 horas (domingo a domingo)
Endereço: RS-115, sentido Taquara, km 35 - Gramado (RS)
Telefone: (54) 3421-0800
Ingressos: R$ 38 (inteira), R$ 25 (crianças de 3 a 12 anos), R$ 20 (idosos acima de 60 anos) e entrada franca para crianças de até 2 anos.

Parque Zoológico Municipal de Bauru 

Lá, a criançada pode observar e se encantar com 5 pinguins-de-magalhães.

Funcionamento: 8 às 16 horas (segunda a sexta) e 8 às 17 horas (sábado, domingo e feriado)
Endereço: Rodovia Com. João Barros, Km 232, Vargem Limpa - Bauru (SP)
Telefone: (14) 3203-5229
Ingressos: R$ 4 (inteira) e R$ 2 (meia – para idosos acima de 60 anos). Crianças acima de 5 anos pagam ingresso.

Pelo mundo

Pinguinera de Isla Martillo – Argentina
A ilha pertence à Estância Harberton, uma fazenda do final do século 19. Com 20 mil hectares de bosques, lagos e ilhas, o local serve de habitat para mais de 3,5 mil pinguins-de-magalhães. A estância oferece dois tipos de passeios para ver os animais: o de barco e a caminhada entre os pinguins. A segunda opção permite que 80 visitantes tenham acesso à ilha por dia.
Temporada: outubro a abril, que é quando os pinguins permanecem na ilha.

Penguin Place – Nova Zelândia
É uma reserva privada, que se dedica a preservar a espécie de pinguim-de-olhos-amarelos. O mais interessante é que esse projeto é inteiramente financiado pelas visitas guiadas.
Temporada: verão (outubro a março) e inverno (abril a setembro)

* Informações e preços pesquisados em maio/2014.

(Fotos: Aquário de Ubatuba, Aquário de São Paulo, Acqua Mundo e Aquário de Santos – Divulgação; RioZoo - Esther Nazareth/ Divulgação; Gramado Zoo – Carlos Eduardo Gonçalves Hachmann/ Divulgação)