Viagem e Férias

Destinos em conta para visitar no Brasil

Se a ideia é viajar bem, mas sem gastar muito, o país está cheio de opções interessantes

Destinos em conta para visitar no Brasil

Com a crise econômica e o aumento do dólar, viajar para o exterior pode não ser mais tão vantajoso quanto conhecer as belezas do Brasil. Listamos algumas opções de lugares incríveis pelo país que têm o custo-benefício ideal para esse ano.

Guarda do Embaú (SC)

Localizada no município de Palhoça, na Grande Florianópolis, em Santa Catarina, a Guarda do Embaú (foto acima) é um destino perfeito para quem gosta de ficar perto do mar. “Como a praia tem um limite de hospedagem, ela nunca costuma estar muito cheia e é um ponto garantido para quem quer tranquilidade”, comenta Guilherme Greghi, gerente de produção, 26 anos, que frequenta o lugar. Para chegar à praia é preciso atravessar o Rio da Madre a nado ou com jangadeiros, o que dá todo um charme ao local. Com opções de pousadas e apart-hotéis, é possível se hospedar por lá por um precinho camarada.

Maceió (AL)

No Estado do Alagoas, Maceió é uma das capitais mais bonitas do Brasil. Repleta de piscinas naturais, a cidade tem como principais períodos de visitação os meses de março, abril, setembro, outubro e novembro. Segundo Jarbas Correa Júnior, vice-presidente da agência de viagens Agaxtur, Maceió oferece hotéis, opções de lazer, entretenimento e gastronomia para todos os bolsos. “Como destaque, os passeios possuem excelente custo-benefício”, diz. Para aproveitar uma viagem de primeira, é possível encontrar pacotes com diárias de, aproximadamente, R$ 163* por pessoa – tirando o transporte aéreo.

Natal (RN)

“Do alto dos 55 metros sobre o Rio Potengi, é possível avistar pela Ponte Newton Navarro algumas das principais atrações de Natal, no Rio Grande do Norte: o mar em diferentes tons de azul e as dunas douradas da vizinha Genipabu”, comenta Jarbas Correa. Entre agosto e novembro e no mês de março, Natal é o paraíso para quem busca tranquilidade. Além disso, assim como Maceió, Natal é uma cidade democrática: é possível gastar muito ou pouco – basta adequar a viagem ao orçamento. Por lá, alguns pacotes de hotel e traslado saem por R$ 140* a diária por pessoa.

Chapada Diamantina (BA)

Localizada no coração da Bahia, a Chapada Diamantina reúne diversos roteiros para quem gosta de ecoturismo, incluindo: cachoeiras, poços, trilhas, grutas e morros. “São passeios inesquecíveis, que te fazem ter contato pleno com a natureza. O Buracão, no município de Ibicoara, por exemplo, é uma das cachoeiras mais bonitas que já vi”, relata Guilherme Greghi. Por lá, é possível encontrar diárias para casais por R$ 200*.

Arraial d’Ajuda (BA)

“Basta atravessar o Rio Buranhém de balsa para ver que o distrito de Arraial se difere muito de Porto Seguro - agitada sede do município”, afirma o representante da agência de viagens. Em Arraial d’Ajuda, há muitas pousadas aconchegantes e praias que possuem belezas naturais, como as falésias coloridas. O local possui hotéis com boa estrutura de lazer à beira-mar, além de um grande número de pousadas cujas diárias caem nos meses de março a outubro – exceto julho, nas férias escolares.

Manaus (AM)

Se a ideia é misturar o urbano com o natural, Manaus é a pedida certa. “Nos parques preservados ou no calçadão revitalizado de Ponta Negra, o belíssimo Rio Negro convida os visitantes a um passeio na orla. Próximo da capital é possível vivenciar experiências diferentes, como nadar com boto rosa, pescar piranhas e fazer focagens noturnas de jacarés,” comenta Jarbas. Com diárias que contam com café da manhã e translado por, aproximadamente, R$ 140* por pessoa, os hotéis do centro da cidade garantem proximidade das principais atrações.

João Pessoa (PB)

“João Pessoa é a capital que tem as diárias de hotéis mais baratas que a média das capitais turísticas do Nordeste”, comenta o vice-presidente da Agaxtur. Localizada na Paraíba, a cidade tem suas praias mais bonitas nos arredores, sendo elas: Tambaba e Conde, ao sul, e Miriri e Oiteiro, ao norte. Dentre os pontos altos da localidade, a culinária nordestina do Mangai é unanimidade. Por fim, lembre-se: para garantir o sol, os meses ideais para visitação estão entre dezembro e março. 

(Fotos: Jota Freitas - Turismo Bahia [Chapada Diamantina], SANTUR - Qlitoral [Guarda do Embaú], Semptur [Maceió]/ Divulgação)

*Preços pesquisados em dezembro/2015.